Suely Rolnik
São Paulo

Teresa Pinheiro
Rio de Janeiro

Tania Rivera
Rio de Janeiro

Renato Mezan
São Paulo

Christian Dunker
São Paulo

Benilton Bezerra Jr.
Rio de Janeiro

São muitos os desafios que as transformações históricas (socioculturais, políticas, econômicas) das últimas décadas têm apresentado à psicanálise, na medida em que elas vêm afetando também os modos com que são constituídas as subjetividades e os vínculos interpessoais, renovando valores e práticas que se distanciam de suas versões oitocentistas. Como considera que a teoria psicanalítica se atualizou diante dessas mudanças, e que adaptações tem sofrido a sua prática? De que modo a psicanálise poderia contribuir para aliviar os novos tipos de sofrimento, além de potencializar essas novidades em seus aspectos mais libertadores?

César Merea
Buenos Aires

Joel Birman
Rio de Janeiro

Lucía Barbero Fuks
São Paulo

Mario Fuks
São Paulo

Ricardo Rodulfo
Buenos Aires

O MOVIMENTO DA PSICANÁLISE: TRANSFORMAÇÕES HISTÓRICAS